Alternative

9 comments

    User
    Nigami 12.07.2019 Reply
    Morreu aos 40 e conseguiu marcar a música portuguesa para sempre. Destes não há muitos em cada século. Era cabeleireiro e homossexual, aí não foi muito irreverente que é um bocado cliché. Zeca Afonso Com a simplicidade de acordes e de rimas consegui fazer da cantiga uma arma. Na voz carregava o peso de um povo oprimido pela ditadura.

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *